Home / Destaques / Prefeituras de Porciúncula / Natividade contrataram empresa inidônea para realizar concurso, afirma juiz

Prefeituras de Porciúncula / Natividade contrataram empresa inidônea para realizar concurso, afirma juiz

CLIQUE AQUI E VEJA O COMUNICADO OFICIAL DA GUALIMP ASSESSORIA:

Em decisão liminar proferida nesta quinta-feira (27), em que determina a suspensão do concurso público para o preenchimento de vagas do Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Saúde das cidades de Porciúncula e Natividade (CODESP), o juiz Marco Antônio Abreu Novaes, sustenta, entre outras coisas, que a empresa contratada pelas prefeituras envolvidas, a Gualimp Assessoria Consultoria LTDA,  sequer deveria deveria ter selecionada em licitação pública, pelo fato de a empresa ter sido considerada inidônia ( e por isso, proibida de contratar com o poder público) pelo Tribunal de Contas do Espírito Santo. Os dois municípios, responsáveis pelo consórcio, ainda não se manifestam. Leia a decisão do magistrado:

concurso

 

COMUNICADO DA EMPRESA: CLIQUE AQUI

 

 

 

FONTE: Radio Natividade

 

 

Veja Também

MPRJ cumpre mandados de busca e apreensão em presídio de Itaperuna

Operação investiga indícios de corrupção de agentes penitenciários que trabalham na unidade.   O Ministério ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *